Coordenadora do ADAPTA, Dra. Vera Val, é reconduzida ao CONCEA

O Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (CONCEA) contará novamente com a Dra Vera Val, Coordenadora de Programas Aplicados do ADAPTA e Coordenadora do
Laboratório Sede do ADAPTA, como um de seus membros, representando a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). A nova lista dos membros do atual mandato foi divulgada no Diário Oficial no último dia 19 de janeiro pela portaria do MCTI.   

 

O CONCEA surgiu por determinação da lei 11.794/2008, e o Decreto 6.899/2009, que regulam a experiência em animais. O Conselho é uma instância colegiada multidisciplinar, que passa a integrar a estrutura do Ministério da Ciência e Tecnologia, tem caráter normativo, consultivo, deliberativo e recursal, e irá coordenar os procedimentos de criação e utilização de animais em atividades de ensino e pesquisa científica.

 

 Entre as muitas tarefas, o Conselho deve formular e zelar pelo cumprimento das normas relativas à utilização humanitária e ética de animais com finalidade de ensino e pesquisa científica. Credenciar instituições para criação ou utilização de animais com finalidade de ensino ou pesquisa científica. Cabendo, também, monitorar, avaliar e estimular a introdução de técnicas alternativas validadas que substituam a utilização de animais em ensino ou pesquisa científica. Um exemplo dessas atividades é prestar apoio técnico à formação de recursos humanos na área de uso científico e de práticas de ensino com a utilização de animais.

 

 O CONCEA é presidido pelo Ministro de Estado da Ciência e Tecnologia e Inovação e integrado por 1 representante do Ministério da Ciência e Tecnologia, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, Ministério da Educação, Ministério do Meio Ambiente, Ministério da Saúde, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Conselho de Reitores das Universidades do Brasil, Academia Brasileira de Ciências, Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência,  Federação das Sociedades de Biologia Experimental, Sociedade Brasileira de Ciência em Animais de Laboratório, Federação Brasileira da Indústria Farmacêutica.

 

Além da Dra. Vera Val, as pesquisadoras do ADAPTA Dra. Vera Silva e Fabíola V. Domingos, fazem parte da Comissão de Ética no Uso de Animais do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (CEUA/INPA). A CEUA/INPA visa regulamentar os procedimentos para o uso científico de animais, previstos pela Lei 11794/2008, voltados para pesquisadores que desenvolvam atividades de ensino ou pesquisa que utilizem animais do filo Chordata e subfilo Vertebrata com a finalidade de experimentação no respectivo instituto.

 

Para mais informações visite o site do CONCEA.

 

Por Ramon Baptista e Márcio Ferreira.

Em mensagem de fim de ano, coordenadores do ADAPTA comentaram os avanços já conseguidos no projeto

Segue a mensagem na íntegra:

“Queridos amigos do ADAPTA,
Estamos encerrando este ano com muito a comemorar. Ao lançarmos a nova página no INCT ADAPTA, queremos nos congratular com todos aqueles que colaboraram para que o Projeto atingisse o sucesso que atingiu. Foram quatro Programas “Globo Ecologia”, coroando um trabalho lindo com os peixes, com os invertebrados aquáticos, com os fungos e com as plantas aquáticas. Foram ações que acarretaram em formulação de políticas públicas bem como de apoio à luta a favor da conservação da floresta, contra o desmatamento; a favor da ética no uso de animais em experimentação e contra os maltratos na criação em biotérios; a favor do equilíbrio de gêneros e contra ações de desigualdade na ciência. Coroamos o ano com o início dos experimentos no Microcosmos, onde animais e plantas aquáticas já estão sendo incubados nos cenários previstos pelo IPCC para o ano de 2100 (nossa ‘nave’do futuro já foi lançada). Os primeiros dados do SOLiD começam a ser tratados no laboratório de Bioinformática, lá em Coari, no meio da Floresta Amazônica, um sonho – a competência num dos mais remotos rincões do planeta TERRA. De lá sairão dados para análises do transcriptoma de animais e vegetais e suas adaptações ao ambiente modificado pelo homem. Nada disso poderia ter sido realizado sem o apoio financeiro das Agências de fomento FAPEAM, CNPQ e CAPES, é lógico. Mas, o mais importante, nada disso poderia estar sendo realizado sem os seres humanos que participam desta viagem conosco. Fundamental foi sua colaboração amiga, compreensiva com as limitações de todos. Fundamental foi sua participação intelectual. Fundamental será sua companhia para continuar essa jornada. Vamos em frente. Um Feliz Natal a todos vocês e que 2012 seja o Ano de Realizações Profissionais e Pessoais para todos.

Um abraço fraterno.

 

Adalberto Luis Val
Coordenador INCT-ADAPTA

 

Vera Ma. F. Almeida-Val
Coordenadora de Programas Especiais INCT-ADAPTA”

 

Por Márcio Ferreira

Presidente da Agência Espacial Brasileira assumirá a pasta de Ciência, Tecnologia e Inovação

Marco Antônio Raupp, presidente da Agência Espacial foi indicado pelo próprio Mercadante, que deixará a pasta para assumir a pasta da educação. A posse deverá ser dia 24 do corrente mês.

Marco Antonio Raupp (1938, Cachoeira do Sul[1]) é um matemático brasileiro, ex-diretor geral do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC).

Graduado em física pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, é doutor em matemática pela Universidade de Chicago e livre-docente pela Universidade de São Paulo (USP).[2] Foi professor adjunto da Universidade de Brasília (UnB), analista de sistemas do Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, pesquisador titular do Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC) e Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e professor associado no IME/USP.

Foi vice-diretor do LNCC, diretor geral do INPE, diretor geral do IPRJ/UERJ e diretor do LNCC.[2] Em reconhecimento aos serviços prestados, foi agraciado com o título de Comendador pela Ordem do Rio Branco (Ministério das Relações Exteriores) e pela Ordem Nacional do Mérito Cientifico (Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação).[2] Em diferentes momentos foi presidente da Sociedade Brasileira de Matemática Aplicada e Computacional (SBMAC) e também tesoureiro, vice-presidente e conselheiro da SBPC. É membro titular da Academia Internacional de Astronáutica (IAA), membro titular do Conselho Superior da FAPERJ e membro suplente do Conselho Nacional da Ciência e Tecnologia (CCT). Foi diretor do Parque Tecnológico, em São José dos Campos. Atualmente é presidente da Agência Espacial Brasileira (AEB).

Fonte da biografia de Raupp: Wikipédia

Postado por Marcio Ferreira

Artigo publicado trata de inovações do ADAPTA na análise de dados biológicos

O artigo entitulado “A Software Tool for Information Management and Data Mining of Biological Data for Studying Adaptation of Living Organisms in Amazonia” foi submetido ao International Conference on Computational Biosciences and Bio-Informatics, envento realizado em 2011, na cidade de Bhubaneswar, na India. O artigo acaba de ser disponibilizado on-line para a comunidade científica, e trata dos métodos inovadores do ADAPTA na integração e análise das informações coletadas pelos pesquisadores envolvidos no projeto.

Faça o download do artigo completo aqui !

 

 

 
Por Márcio Ferreira